Studio Integral SP

Studio Integral SP

Centro de Treinamento e Formação
Certificação Internacional Yoga Alliance USA

Seja Simples - Agenda - A Mãe
Seja Simples - Agenda - A Mãe

16 Setembro 1961.

Satprem reclama da sua dificuldade em escrever o livro sobre Sri Aurobindo .

Ele diz a mãe em particular de ter a sensação de está bloqueado.

A mãe responde:

-Tenho pedido Sri Aurobindo para lhe ajudar. Você sabe, nós estamos rodeados de complicações, mas sempre há lugar  para que tudo se abra com simplicidade e precisão – isto é um fato da minha própria experiência.

Você fica rodando em círculos , pesquisando, trabalhando, e nos sentimos presos. Então, alguma atitude interna abre caminho, e de repente os caminhos se abrem – muito simples.

Tenho tido estas experiências muitas vezes, então pedi a Sri Aurobindo lhe dar esta abertura. E ele respondeu, insistentemente: Seja simples, seja simples.

Diga com simplicidade o que você sente.  São apenas palavras, mas o fato,

quando ele falou estas palavras, era como se  um caminho de luz fosse se abrindo,

e tudo se tornou muito simples.

Faça apenas uma coisa de cada vez, é tudo que precisamos fazer – é o que parece para mim.

Um degrau por vez. É curioso, porque todas as complicações parece está lá, na mente.

muito complicado e difícil de ajustar, e quando Sri Aurobindo diz: - seja simples – que estranho –

era como se uma luz saísse dos olhos dele e de repente me emergi na luz. A impressão de um jardim sendo banhado pela luz. Muito insistência em manter as coisas simples: Diga com simplicidade o que sente e o que sabe.


A simplicidade.. Tudo era como a impressão do jardim da bem aventurança e da alegria.

Seja Simples , Seja Simples.

As complicações estão na mente. A mente é dura e complicada – e de repente uma porta se abre – A simplicidade.

Tenho passado por dificuldades similares, como você, mas em outro nível. Há uma acumulação grande de pessoas para eu ver, coisas para fazer, questões para serem resolvidas – tudo. A acumulação é tão organizada – tão compactada com a vida – hora, tempo, tantas forças do universo para um corpo tão comum. Ainda por trás de tudo, há uma constante imobilidade ativa. No sentindo em que a consciência tem a impressão de está imóvel, de está sendo carregada pelo progresso e a evolução. Mas esta imobilidade – se eu tentar fazer o qeu tenho que fazer, você sabe, tudo que tenho que fazer, bem, se torna impossível. As coisas se bagunçam e torna se dolorido, e nesta confusão, a resposta dele é a mesma : - Seja simples. Seja simples.

Esta manhã quando estava caminhando, o programa do dia e o trabalho que está por vir me parecia tão formidável que eu senti que era impossível. E ainda assim, simultaneamente , lá estava – a postura imóvel dentro de mim. Logo que parei meu movimento interno de formação e ação, se tornou uma dança alegre da Presença – a Divina Presença. Todas as células vibrando com a alegria da Presença ( há uma certa vivacidade, e uma música extraordinária), todas as células vibrando com a alegria da Presença – a Presença Divina.

Mas quando vejo o mundo de fora, entrando e atacando, bem, esta alegria não desaparece necessariamente, mas se retrai. E o resultado é como se eu sempre tivesse que sentar e me aquietar – quando eu consigo isto, é maravilhoso. Mas é claro, todas as sugestões do mundo externo entram. Sugestões que não ajudam em nada, questões sobre tempo, o que vestir, preocupações que diminui todo o poder – e sei que tudo isto é falso. Mas a calma no corpo é indispensável. Bem , para mim, a resposta de Sri Aurobindo é sempre a mesma. Seja Simples, muito simples.

E eu sei o que ele quer dizer com isso: negar a entrada organizada prescritiva , a crítica de pensamentos – tudo isso deve ser evitado. O que ele chama de ser simples, é a alegria da espontaneidade: na ação, no movimento, na expressão, na vida – seja simples. A alegria de ser espontâneo. Para redescobri na evolução a condição da qual ele chama de Divino, que é uma felicidade e alegria espontânea, ele deseja que despertamos este estado, e por dias ele tem me falado isto, o mesmo se dá ao seu trabalho, seja simples. E na sua simplicidade está a alegria que ilumina a vida.

A alegria da espontaneidade.

O que é terrível, é esta mente organizada. É terrível. Nos convence que não podemos fazer de outra forma, é muito difícil não resistir a este jogo, e embora tenha convencido toda a humanidade. E toda, tudo que chamamos de humanidade elitizada, tem se convencido disto, de que nada pode ser conquistado sem o poder mental organizado.

Mas Sri Aurobindo nos convida a sentir a mesma alegria da rosa florescendo. Seja Simples . E quando eu ouço isto, é como se fosse um raio de luz dourada, como sentir as fragrâncias de  um jardim  florido – tudo se abre – seja simples.

Tradução do Livro Agenda - Mirra Alfassa.

Wal Nunes


 

 

 

 




Todos Direitos Reservados - Studio Integral SP 2021